dessorvedor térmico multi-tubos – td100-xr

O TD100-xr é um sistema de dessorção térmica automatizada de de alto rendimento que permite o processamento rápido e autônomo de até 100 tubos sorventes de amostras em um única sequência.

SKU: 6934 Categoria:
PEDIR ORÇAMENTO

Descrição:

O TD100-xr é um sistema de dessorção térmica automatizada de de alto rendimento que permite o processamento rápido e autônomo de até 100 tubos sorventes de amostras em um única sequência.

O TD100-xr é ideal para trabalhar com sistemas de cromatografia gassosa (CG) e cromatografia gasosa com espectrômetro de massa (GC-MS), sendo uma plataforma de alto desempenho e rendimento para a análise de níveis sub-ppt a porcentagem de compostos orgânicos voláteis (VOCs) e semi-voláteis (SVOCs) em ar e materiais. Ele fornece conformidade total com os principais padrões de dessorção térmica (TD) baseado em tubos para uma ampla faixa de aplicações, garantindo a utilização máxima do sistema e tranquilidade total.

Característiscas:

  • Plataforma TD “universal” permitindo a análise de compostos através de uma ampla faixa de volatilidade e a habilidade de selecionar baixas temperatura do caminho de fluxo para compatibilidade com compostos instáveis:
    • Recuperação quantitativa até n-C44;
    • Recuperação quantitativa de compostos instáveis;
    • Análise simultânea de voláteis e semi-voláteis.
  • Capacidade de 100 tubos fornecendo operação autônoma e sem supervisão durante um fim de semana inteiro.
  • Compatível com tubos sorventes de 3½” de aço inox, aço inox com revestimento inerte e vidro
  • Recoleta quantitativa do tubo e do fluxo de split do trap de dessorção para permitir a repetição da análise, com automação disponível com o modelo “Avançado”.
  • Empilhamento de amostra: combinação de múltiplos tubos de amostra no trap de concentração antes da injeção na coluna do CG.
  • Padrão interno (opcional): permite que o padrão na fase gasosa seja carregado no trap de concentração ou um tubo de amostra através de um loop de 1 mL.
  • Trap de concentração resfriado eletricamente com resfriamento rápido e de fácil manutenção
  • Teste de vazamento rigoroso, de acordo com método (sem fluxo/temperatura ambiente), realizado em cada amostra. Tubos com falha são retidos intactos.
  • Opções sem split, com split único ou duplo garantindo a compatibilidade com amostras em uma ampla faixa de concentração (ppt a porcentagem).
  • Taxas de aquecimento do trap de até 100 °C/s e dessorção com backflush combinados para facilitar a operação sem split em fluxos ≥2 mL/min, maximizando assim a sensibilidade.
  • Pré-purga do ar para ventilar e eliminação seletiva da água e solventes minimizam a interferência analítica.
  • Capacidade de leitura/escrita TubeTAG integrada para rastreamento melhorado de tubos e amostras.
  • Modo de sobreposição com a dessorção de uma amostra subsequente enquanto uma amostra anterior está sendo analisada, otimizando a produtividade.
  • Vedação dos tubos com tampas DiffLok™ prevenindo a entrada de contaminantes e perda de voláteis dos tubos antes, durante e após a análise.
  • Movimentos robóticos lineares mínimos para aumentar a confiabilidade de operação.
  • Ventoinha para resfriamento do tubo: Resfria rapidamente os tubos de amostra após a dessorção para rendimento melhorado de amostra.
  • Versatilidade e rendimento: O software permite múltiplos ajustes de tubos com diferentes métodos de TD, para serem analisados juntos em uma única sequência automática de tubos.
  • Injetor autônomo que pode ser conectado a qualquer modelo de GC(-MS) e não interfere com outros acessórios de CG.
  • Interface com o CG através de acoplamento direto à coluna analítica. A única parte do injetor do CG que pode ser necessário é um módulo eletrônico pneumático regulado por contrapressão. Ele pode ser utilizado para fornecer o controle eletrônico do gás de arraste através de todo o analisador TD-GC(-MS) e estabilizar os tempos de retenção independente do fluxo de split e outras configurações analíticas.
  • Modo standby estendido reduzindo o consumo de energia do instrumento quando não está em uso.
  • Tamanho compacto para operação em laboratórios móveis ou outros ambientes confinados.

Especificações Técnicas:

  • Modos de dessorção:
    • Condicionamento de tubos;
    • Dessorção de dois (ou três) estágios;
    • Modo de condicionamento do trap;
  • Temperatura do forno de dessorção:
    • Faixa: 35 °C a 425 °C;
    • Ajustável em incrementos de 1 °C;
    • Limites de temperatura ajustáveis pelo usuário dentro da faixa estabelecida;
  • Tempo de dessorção:
    • Faixa: 0 – 600,0 min
    • Ajustável em incrementos de 0,1 min;
  • Trap de concentração em quartzo:
    • 2 mm (DI) na parte empacotada e 0,9 mm (DI) na entrada/saída de amostra;
    • Empacotamento com um até quatro sorventes;
    • Dessorção por backflush garantindo a retenção e liberação quantitativa dos compostos através de uma ampla faixa de volatilidade;
  • Faixa baixa de temperatura do trap:
    • Faixa: -30 °C a 50 °C;
    • Ajustável em incrementos de 1 °C;
    • Limites de temperatura ajustáveis pelo usuário dentro da faixa estabelecida;
    • Resfriamento elétrico uniforme aplicado em toda a extensão do leito sorvente;
  • Trap de dessorção:
    • Configuração padrão de aquecimento balístico, que atinge taxas de temperatura de 100 °C/s durante os primeiros estágios críticos da dessorção secundária (trap).
    • Alternativamente, podem ser selecionadas taxas de aquecimento programadas do trap de 1 °C/s a 40 °C/s;
  • Faixa alta de temperatura do trap:
    • Faixa: 35 °C a 425 °C;
    • Ajustável em incrementos de 1 °C;
    • Limites de temperatura ajustáveis pelo usuário dentro da faixa estabelecida;
    • Aquecimento uniforme aplicado em toda a extensão do leito sorvente;
  • Tempo de espera do trap em alta temperatura:
    • Faixa: 0,1 – 60,0 min;
    • Ajustável em incrementos de 0,1 min;
  • Caminho de amostra:
    • Faixa de temperatura das válvulas: 50 °C a 210 °C;
    • Faixa de temperatura da linha de transferência: 50 °C a 250 °C;
    • Ajustável em incrementos de 1 °C;
    • Limites de temperatura ajustáveis pelo usuário dentro da faixa estabelecida;
    • Construído totalmente de materiais inertes: PTFE, quartzo, aço inox com revestimento inerte e sílica fundida não revestida e desativada;
  • Gás de arraste: hélio ou nitrogênio com pressão de 0 – 60 psi;
  • Controle eletrônico mássico de fluxo (opcional) ajustável entre 2 – 500 mL/min (hélio) e 2 – 250 mL/min (nitrogênio);
  • Gás pneumático (válvula, estação de lavagem, agitador e purga): ar seco ou nitrogênio (ponto de orvalho abaixo de -50 °C) com pressão de 50 – 60 psi;
  • Consumo de gás de arraste: normalmente 5 – 200 mL/min (dependendo do método);
  • Consumo de gás pneumático: ~100 mL/min;
  • Condições de operação:
    • Temperatura: 15 °C até 30 °C;
    • Umidade relativa: 5 a 95%;
  • Alimentação: 100 – 240 V, 50/60 Hz, 900 W;
  • Dimensões: 380 x 620 x 550 mm (L x A x P);
  • Peso: 32 kg.
Fabricante

Solução

Cromatografia Gasosa, Dessorção Térmica, Preparação de Amostras

Modalidade

Laboratório

Segmento

, , , ,

Normas

US EPA Method TO-17